Feedback « Agile Way
19 de Abril de 2010

Foque no engajamento da sua equipe

A cada dia, pipoca nas livrarias, blogs e conversas de corredor algum case contando sobre como empresas passaram a focar mais em seus funcionários. As principais, normalmente, são as empresas de tecnologia nos Estados Unidos, como o Google, Facebook, Zappos, Netflix, Apple, Microsoft, IDEO…

Talvez elas já tenham se adaptado a nova realidade: o mundo do conhecimento, que é mensurado não apenas por quantidade, qualidade e certo ou errado. Pelo menos não de forma isolada. Essas empresas sabem que o ativo mais importante que tem são as pessoas.

Continue lendo »

9 de Abril de 2010

Roteiro para uma entrevista de emprego

Como mencionado anteriormente, estou abrindo minha empresa.

Não é uma tarefa fácil. Empreender não é fazer como o Roberval. Envolve muitos riscos, desafios e conhecimentos em áreas diferentes. Eleve isso na nona potência, ao lembrar que moramos num país chamado Brasil, onde os empresários e empreendedores são vistos ainda como “exploradores” de seus “empregados”.

Minha proposta para a empresa é criar um ambiente diferenciado. O anúncio para as vagas alguns já devem conhecer. A empresa será, inicialmente, uma legítima startup iniciada praticamente na garagem de casa, mas irei focar muito em valorizar ao máximo a colaboração e o que podemos chamar de “gestão 2.0”.

Para tanto, busquei criar uma forma de seleção menos RH e mais amigável. E é isso que divulgo para vocês. Continue lendo »

7 de Abril de 2010

Nunca permita que lhe desanimem

Gosto muito dos artigos e do conteúdo que o Stephen Kanitz aborda em seus textos. Ele publicou no início de março um artigo que considero muito interessante. E que tem a ver muito com feedback e relacionamento entre as pessoas, na vida pessoal e profissional.

Leiam abaixo e reflitam. Continue lendo »

22 de Fevereiro de 2010

Duke Nukem Forever: o jogo que não existiu

Em 1996 é lançado um jogo revolucionário no estilo “tiro em primeira pessoa”. Duke Nukem 3D trazia um anti-herói cínico, violento e musculoso, apresentando inovações até então inéditas nos jogos da época: interação do personagem com o cenário (produzindo situações divertidas como quando o personagem se olhava no espelho e dizia “Damn, I’m good!”) e a união do humor negro com violência extrema.

O jogo se tornou um dos mais vendidos na história dos games e fez com que uma legião de críticos e fãs praticamente exigissem uma continuação. No ano de 1997 foi dado o início do projeto Duke Nukem Forever, talvez um dos jogos mais esperados de toda história dos games.

Em 6 de maio de 2009, a empresa que revolucionou este mercado – 3DRealms – bate a última foto da equipe antes de dispensar e fechar toda a sua seção de desenvolvimento. O motivo? a incapacidade de produzir o jogo.

Como uma empresa conseguiu ir do céu ao inferno desta maneira? É o que iremos discutir aqui.

Continue lendo »

8 de Fevereiro de 2010

Empreendedorismo – Parte 3/4

Vimos que o “quadrado mágico do empreendedorismo” é composto por: ideia, projeto, pessoas e dinheiro. Destes quatro conceitos, existe um que você precisa pensar com muito carinho, pois é a partir dele que o seu longo prazo se desenvolverá. Sim, falo das PESSOAS.

Se você já lê este blog há algum tempo, deve perceber como ele é praticamente todo orientado a construção de resultados através das pessoas. Mas será que podemos usar as mesmas iniciativas quando estamos começando uma empresa?

Continue lendo »